Comunicação Social para Transformação Social ;)

par transformar !

A comunicação virtual realizada pela juventude hoje, é inteligente, rápida e eficaz! Existem diversos meios de comunicação principalmente espaços onde a juventude pode se articular, se organizar, divulgar o que faz, manter relações sociais, e muito mais! Tudo isso, na minha opinião, contribui ainda mais para esta livre e ampla de forma de democratizar as informações no Brasil e no mundo, e também contribui para que as pessoas possam se conectar e muitas das vezes até aprender coisas novas pela INTERNET! 😉

Sabemos que no Brasil, permanece ainda o monopólio dos meios de comunicação, que não permitem a expressão da cultura popular e a propagação de idéias e da pluralidade. Nas redes e nas ruas a juventude cumpri um papel importantíssimo para as transformações sociais. Sempre temos algo a dizer! A UJS (União da Juventude Socialista) defende a regulamentação dos meios de comunicação, e todos nós, indivíduos que temos o acesso à tais ferramentas tecnológicas e que as podemos usar devemos nos unificar e agir como agentes de transformação social!

Todos os dias, no Facebook, nas salas de aula, nas ruas, na empresa, na nossa vida devemos nos unir e conscientizar as pessoas sobre a importância da comunicação. Pois a revolução que queremos no futuro, necessariamente não acontece sem a queda do PIG (Partido da Imprensa Golpista). Na minha opinião a Intervenção Social é o segredo! TVs comunitárias, Rádios Comunitárias, jornalismo virtual, blogs e as redes sociais contribuem e muito para esta agilidade na troca de informações atualmente. Para a democratização, o que temos que fazer é só botar a boca no trombone! Apontar nossos posicionamentos enquanto movimentos sociais organizados, enquanto cidadão, como um indivíduo qualquer que discorda do monopólio das mídias que existe hoje.

Trabalhadores, estudantes a toda a sociedade deveria poder de fato, Expressar a liberdade, não é? Pena que ainda não é assim e acho que ainda vai demorar alguns anos para poder!

Na opinião do radialista e membro da Coordenação Executiva do Intervozes e da Coordenação Executiva do Fórum Nacional pela Democratização das Comunicações (FNDC), João Brant, um dos problemas da comunicação hoje é que os grandes meios de comunicação não abrangem um importante conjunto de vozes, fatos e versões, que dependem de meios alternativos como a internet e que não são suficientes para que a informação circule em grande escala. “Isso é um sinal de que a democracia está enfraquecida, um país democrático precisa que seus meios de comunicação reflitam a pluralidade e o aprimoramento do sistema político depende de um aprimoramento do sistema de comunicação”, explicou.

Bom mesmo assim tem pessoas que como eu, não se calam! Vamos conosco neste Cordel da Regulamentação da Comunicação? Uma galera de luta!

Beijos!

Ronie Lobato
Diretor de Comunicação da UPE

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s